quarta-feira, 20 de junho de 2007

Lx2007 - Cidadania (VI) - UM DIA POR LISBOA - Fazer e Não Fazer

Interessante o encontro de hoje no S. Luiz. Gente com propostas politicamente correctas, gente séria, gente radical, gente com pouca noção do como, gente com pouca paciência para o porquê. O Miguel Sousa Tavares a seduzir com o seu carisma enquanto defendia acaloradamente o uso do automóvel e recusava liminarmente a vocação da cidade para o uso ciclista (mais um que acha que a cidade acaba no Maruês). Comum a todos o evidente amor pela cidade e o desgosto pela situação actual.
Dos oradores que ouvi, todos se apresentaram reactivos. Todos, com excepção do António Câmara que nos habituou a pensar proactivamente com a sua YDreams. Desta vez não foi excepção, brindando-nos com três propostas que, inversamente ao que a primeira vista poderia indicar serão de execução muito mais fácil e eficácia mais garantida que todas as proibições sugeridas por muitos dos intervenientes:
- Ceder em exploração os passeios existentes entre o marquês de Pombal e o rio a artistas de rua;
- Criar um prémio municipal para as ideias mais utópicas para a cidade;
- Utilizar as nuvens baixas para, através de equipamento laser (ele afirma que tecnologicamente já é possível) exibir jogos de futebol.
Conseguem imaginar-se deitados na relva de um parque ou esparramados numa cadeira de esplanada a olher para o céu deleitados, não com um jogo de ludopédio, mas com imagens de, por exemplo, os paraísos perdidos do mundo? Why dreams indeed...

5 comentários:

Anónimo disse...

A iniciativa vai-se repetir?Hoje não pude ir com bastante pena minha.
Isabel P

Pedro disse...

Os organizadores afirmaram que sim, iriam continuar com iniciativas deste tipo mas pareceu-me que já fora do âmbito das intercalares.

Mas nós podemos organizar aqui um ciclo de debates! Basta que os leitores dos posts se empenham em comentar...<;-)

susana disse...

Pois também tive pena de não estar presente. Compromissos musicais...

Folgo em ver que há gente com ideias.
Vamos a elas.
Porque é que o António Câmara da YDreams não se candidatam também?

Pedro disse...

A iniciativa foi só dia 19jun, e será a única antes das eleições. Quisemos deixar claro que não estamos envolvidos nestas eleições a não ser para exigir a todos uma democracia mais participativa.

Talvez daqui a uns meses...

Pedro Matos
Um Dia por Lisboa

Anónimo disse...

Fico à espera, ou melhor, disponibilizo-me para participar na organização de mais dias destes.

Isabel Paiva