terça-feira, 18 de dezembro de 2007

Censura e exposição

Confessamo-nos numa encruzilhada. Não temos - nem por feitio nem por formação - o hábito de promover a censura neste blog. Achamos que os comentários - sejam eles quais forem - são demonstrativos de quem os escreve.

Anónimos, pseudónimos, heterónimos ou escribas com o seu nome real.

Divertimo-nos com os disparates de uns, irritamo-nos (sim, irritamos até à desproporção da resposta) com as alegações de outros, ignoramos as atoardas de alguns.

Mas estamos numa encruzilhada.

Contestar certas personae é dar-lhes corda, publicitá-los, fazer-lhes o frete da propaganda. Ignorá-los torna-se difícil. Levá-los a paroxismos de idiotice é possível, mas será a estratégia compreendida pelos restantes? Teremos todos paciência para assistir ao auto-esboroamento da pústula?

Resta-nos a censura. O apagar sistemático do lixo. Mas ao entrar-se nesse caminho quem fica para cuidar das balizas? Quem determina o grau do lixo a partir do qual se deverá proceder à limpeza?

Queríamos saber a vossa opinião.

21 comentários:

Anónimo disse...

Eu tinha tirado os comentarios do FN.
De resto, nada de mais.
PD

Carlos disse...

Sou um leitor assíduo deste blog.
Estou longe de Portugal e, por consequência, do bairro que adoptei como meu no dia em que regressar, e onde deposito grandes esperanças de vir a viver com paz e tranquilidade no futuro.
A leitura deste blog e dos seus comentários dá-me a proximidade da minha casa, que só quem já esteve ausente sabe o que significa.
O mesmo problema tem-se colocado em outros blogues que sigo, que nasceram mais como grupos de discussão do que como blogues propriamente ditos. Aparecem sempre alguns comentários pouco construtivos, chegando mesmo a serem ofensivos, e que demonstram uma enorme falta de respeito por quem, normalmente a troco de nada, tenta partilhar as suas opiniões e os seus sentimentos, neste caso específico, sobre um assunto com um largo número de interessados.
Pela experiência que tenho, creio que o mais acertado é não ter medo de moderar (não confundir com censurar, no fim de contas, um blog é como que uma casa privada, e, pelo menos na minha casa, quem não respeita o dono é convidado a sair).
Fica a minha opinião, àqueles que discordam, só posso dizer que já vi morrer um blog interessantíssimo (e sobretudo sem qualquer conotação política) por causa de um vândalo de extrema direita que começou a utilizar o espaço reservado aos comentários dos posts como espaço de campanha política, como não foi moderado, os outros comentadores foram deixando de participar nos posts e começaram com guerras de insultos, até que o promotor do blog desistiu.
Cabe aos donos da casa abrirem a porta...
Bem hajam pelo bom trabalho que têm desenvolvido.

Anónimo disse...

Eu, que vivi em tempo de censura político, sou pela liberdade de expressão, que não promova a violência (é crime) ou faça a apologia de um crime (é crime). O genocídio, e logo, a sua defesa (do tipo «morte aos ...») também é crime. Tal como a difamação e injúria (dirigidas a pessoa certa e identificável) também é crime.

Com estas balizas, sou pela liberdade de expressão.
Defendo, como outro participante, que isto até tem a vantagem de mostrar os argumentos torpes e o tipo de gente que a extrema direita acolhe.

E faz bem aos jovens perceber que também em democracia a liberdade deve acabar onde começa o respeito pelo outro. Que hoje tanto falta, tal é o egoísmo. Os blogues são uma lição de cidadania e de tolerância.

Podem sempre dar por fechado um certo post, se começar a descambar para a troca de mimos menos legítimos.

Boas Festas.

Anónimo disse...

A minha opinião vai no sentido de que todos os comentários de índole racista ou de propaganda a partidos a ele ligados devem ser rapidamente apagados.

Para além desses, todos os comentários que mencionem palavras obscenas e injuriativas devem igualmente ser excluídos.

Quanto aos restantes, considero que a bem da pluridade de "saudáveis opiniões"devem manter-se, sob pena do Viver deixar de ser um espaço de debate.

Pedro Sky disse...

Defendo que não sejam possíveis posts anónimos. Só de bloggers. Já limita muito do lixo.
Quanto a conteudo inapropriado, não tenho qualquer duvida -> é limpar / delete sem pensar duas vezes.

Joana disse...

Dado o que tem acontecido ultimamente, ia sugerir o mesmo que o pedro sky. Não é censura mas dá mais trabalho comentar e isso ja limpa mto lixo.

Anónimo disse...

Pois é mas, com o devido respeito "Joana" e "Pedro Sky" não são anónimos????
Se eu abrir um "nome" José dos Anzóis deixo de ser anónimo????
Se efectivamente querem o lixo dos comentadores anónimos fora deste local porque é que não assinam o vosso número de IP?
Isso é que era, comunicavam ao Blog quem eram e qual o IP e passavam a postar.
Vale? Vá lá. Ou assim já não interessa por causa da vossa privacidade?

Anónimo disse...

Simplificando, uma caixa de comentários é uma caixa de correio. Logo, quem gere o blog deve gerir o correio. Partindo do princípio óbvio que os gestores são gente de bem, democrática, sensata, etc, etc.
Senão ainda começam aqui aos tiros e então lá têm de pôr Câmaras, guardas, etc.
São só palavras, ofensivas, abusivas, absurdas, mas só palavras. Deletem-nas e pronto.
Bom Natal a todos.

Anónimo disse...

Eu,por exemplo acho que a pessoa que assina como "Pedro", não sendo anónimo, (como se não houvesse mais Pedros no mundo) já teve comentários desapropriados e mal educados. Devemos censurá-lo apesar de ser um dos promotores do blog ?

Anónimo disse...

Concordo, absolutamente, com o anónimo anterior. Já li comentários do "Pedro", extremamente agressivos e mal educados, sempre que não concordam com ele "irrita-se".

Anónimo disse...

Pois é.

Anónimo disse...

Pois é.

Anónimo disse...

Tá feito.Mais um que já não chega a "Presidente da Junta"....

Anónimo disse...

O vosso blog é excelente, até a maior parte dos comentários são bons.
Deixem-no seguir como está pois está optimo, há poucos melhores.
As questões anónimos ou não, não me parecem relevantes.
Maria

Luís Lucena disse...

Uma Senhora não ouve palavrões.
Um Cavalheiro não responde a provocações de gente rude. Pessoas bem formadas não podem responder no mesmo registo. As "armas" são claramente diferentes. A melhor censura (ou talvez a única admissível) deve ser a auto-censura.
Eu proponho que quem se indigne com formas brutas de participação use o seguinte comentário no blog: ".".
Significará
"não comento nem «gasto» as minhas energias com este tipo de mensagem e quem quiser usar esse tipo de linguagem será o último a falar ficando a falar sozinho/a"; significará igualmente "ponto final parágrafo".
É uma sugestão.

Ana Filipa disse...

Por principio não concordo com a censura, mas admito que a minha liberdade acaba quando interfere de forma negativa com a liberdade de outra pessoa. Não considero que "palavras" interfiram com a liberdade. Por isto não me parece correcto apagar mensagens, sejam elas quais forem. Não é a ignorar opiniões que conseguimos formar a nossa própria opinião. Considero que uma mente esclarecida é aquela que ouve todos os intervenientes e que daí retira as suas conclusões. Peço então que não estraguem este espaço democrático com sensibilidades exageradas para com palavras. Concordo com a sugestão do luis lucena.
Sobre este assunto ".".

Anónimo disse...

A liberdade de expressão não justifica tudo caros vizinhos.
Percam um bocadinho de tempo e leiam a Lei nº 134/99, de 28/08 que proíbe as discriminações no exercício de direitos, por motivos baseados na raça, côr, nacionalidade ou origem étnica.
Perceberão posteriormente porque não podemos permitir que se digam as coisas que por aqui se disseram relativamente a discriminações.

Anónimo disse...

oh Pedro... Tás agarrado ao poder???
Baza e demite-te das tuas funções de administrador de condomínio!!!

Mr. Steed disse...

eu só cá venho de vez em quando (mas juro que leio quase tudo!) e este é o meu segundo comentário.

se me permitem a opinião:

o blogue é vosso. o trabalho de escrever e preparar os conteúdos é vosso (ah pois, escrever e tirar fotos dá algum trabalho).

não gastem muito a pensar nisso e cortem o que acharem que não merece aparecer. os critérios são subjectivos? pois são. são os vossos. tal como os jornais decidem que cartas de leitores devem publicar vocês podem gerir os comentários ao vosso blogue como melhor entenderem.

um bom ano.

ah! já me esquecia. obrigado pelas notícias que aqui colocam e pelas fotos. eu sou um despistado e elas ajudam-me imenso a aprender onde ficam os sítios de que falam.

Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
Anónimo disse...

???