terça-feira, 22 de abril de 2008

Alto do Lumiar, que futuro? - CpL e Manuel Salgado respondem (C.1.)

C. INFRAESTRUTURAS
C.1. No caso das infra-estruturas realizadas e das quais a Câmara já tomou posse, entende que projectista e executante ainda farão parte das entidades com quem dialogar, na resolução de problemas de concepção /adaptação? Deverá o diálogo ser feito apenas com moradores e utentes? Deverão ser os serviços os únicos participantes no delinear das soluções, cabendo a última e única palavra decisória aos responsáveis políticos?

Resposta dos Cidadãos por Lisboa:




Resposta do Arqº Manuel Salgado, Vereador do Urbanismo, eleito pelo PS:

C. Infra-estruturas
Na cidade todos os agentes são relevantes para o processo de diagnóstico e solução dos problemas. Tratando-se de uma operação de iniciativa municipal caberá à CML concertar soluções e empreender a respectiva execução.

2 comentários:

Pedro disse...

Eis a garantia, por parte do representante da maioria camarária PS, de que, a partir de agora em todas as questões relacionadas com os equipamentos da Alta na posse do município, a CML vai passar a auscultar a opinião não só dos projectistas e da SGAL, como dos moradores e dos seus utentes!

Portanto, no caso do Parque Oeste - onde estão as soluções prometidas pelo vereador dos Espaços Verdes para este ano? - passaremos a deixar de ouvir as queixas da SGAL de que não é ouvida. A não ser que a coligação não funcione para este aspecto específico da gestão da cidade...

Anónimo disse...

MENTIROSO!!!
CHULO!!!
CHUPISTA!!!
SÓ QUER É TACHO!!!
E ANDAR A MAMAR À PALA DOS OUTROS!!!

ESTE TIPO MENTE COM MAIOR NÚMERO DE PALAVRAS DO QUE COM OS DENTES QUE TEM!