quarta-feira, 20 de dezembro de 2006

Back from the dead



Há dias, este pinheiro foi barbaramente atropelado por um tosco condutor. Pensei que fosse uma fractura irremediável, causando a morte prematura de mais uma árvore da minha rua, mas afinal parace que tem salvação: viverá nos próximos meses com umas ligaduras que a voltem a solidificar e ficará, se sobreviver, com uma cicatriz desta lesão, mas não deixará de crescer.

10 comentários:

Anónimo disse...

Eu vi-o e fiquei cheia de pena. Até pensei que fosse por causa daqueles dias de intenso vento... Ainda bem que já tem um "penso"! :) Se eu percebesse de plantas, tinha-o feito eu mesma.

João Baptista disse...

Eu fiquei com muita vontade de o ir "endireitar". Pensei que tivesse sido do vento. Mas depois pensei em deixar estar para ver se alguma entidade responsável o faria - e voilá! Por acaso vi-os a tratarem do assunto e fiquei satisfeito, pois parece-me que realmente o IMI serve para alguma coisa...

Cumps,
JB

Anónimo disse...

que bom,
alguem se preocupar com uma arvore!
precisamos de todas.

Pedro Veiga disse...

Estes aceleras lusitanos não respeitam nem as pessoas, nem os animais e nem as árvores. Os sinais dizem que a velocidade máxima é 40 km/h, mas há que passe a 100 ou mesmo a 120! O mesmo se passa na Av. Sérgio Vieira de Mello, mesmo ao lado da Kruz Abecassis.

Pedro disse...

Pelos indícios deixados (largura do radado, ausência de mossas na berma) parece mais um camionista em manobras ("deixem-me trabalhar!") do que um acelera kamasutra(que os há à fartazana) mas enfim, isto pode ser excesso de CSI da minha parte...

Tiago disse...

És capaz de ter razão, Pedro. Pensei num jipe, mas dado que há por ali muito camião TIR, é provável que tenha sido.

JoaoDaAlta disse...

E o coelhinho foi com o Pai Natal e o palhaço no comboio ao circo.

Vá lá que eles sempre vão fazendo qualquer coisa :-)

Anónimo disse...

ihihihih, temos as mesmas referencias culturais.
a outra e:
bombocas? so ha estas sao p'ra mim!
parece que aprendemos imenso com este "curriculo" subliminar.

Anónimo disse...

Este pinheirinho está mesmo com ar de cachorrinho atropelado...

Para mim quem tratou dele dever ter sido algum morador caridoso.
Espero realmente que ele recupere...

BOAS FESTAS

stravaganz disse...

RIP para os dois eucaliptos centenários aqui da minha rua Arnaldo Ferreira... parece que foram envenenados...