sábado, 9 de dezembro de 2006

BABEL

“The real borderlines are within ourselves in that more than a mere physical space, the barriers are in the world of ideas. I realized that what makes us happy as human beings could differ greatly, but that what makes us miserable and vulnerable beyond culture, race, language, or financial standing is the same for all” says González Iñárritu. “I discovered that the great human tragedy boils down to the inability to love and be loved and the incapacity to touch or be touched by this sentiment, which is what gives meaning to the life and death of every human being. Accordingly, BABEL transformed into a picture about what joins us, not what separates us.”


Ainda não estreou mas não deve faltar muito. Recomendo intensamente a visão do novo filme do autor de "Amores Perros" e "21 Gramas".

O que é que isto tem a ver com a Alta? Vão ver e depois conversamos.

Entretanto vejam umas coisas por aqui. Já dá para abrir o apetite.

4 comentários:

sushi disse...

Mal posso esperar!
Já vi os outros dois e são fabulosos!

Anónimo disse...

Muito mais o Amor Cão que o da balança... e esta história de comentar filmes ainda não estreados não indiciará um elevado indice de pirataria? :-)

Mas mais importante: a partir de Janeiro provavelmente vou precisar de uma empregada umas 4/8 horas por semana, porque a minha vai deixar de poder vir. Preciso com uma certa urgência de alguém.... quem puder ajudar deixe-me uma nota em altadelisboa@astormentas.com que agradeço....

Anónimo disse...

e as minhas desculpas aos autores do blog por utilizar este meio como placard

Pedro disse...

Nada de pirataria. O filme foi apresentado em ante-estreia na estranha sessão de abertura do Festival HolaLisboa na passada 5ªfeira, 7/12