terça-feira, 14 de fevereiro de 2006

E ainda dizem que o e-mail acelera a comunicação...

Ainda estavamos nós no passado dia 24 de Janeiro de 2006, quando resolvi enviar um mail para aqui utilizando este endereço amávelmente fornecido pelo António Gouveia no seu blog Altalx.

No dia 26 de Janeiro de 2006, recebi um simpático mail daqui a dizer que o mail tinha sido reencaminhado para ali.

No dia 30 de Janeiro de 2006, achei estranho pois ninguém me respondia de volta -Será que estavam em época de férias e este municipe não sabia!?- e então resolvi enviar novo mail (em jeito de reminder) mas com uma pequena nuance: Resolvi inverter a ordem dos destinatários e então enviei um e-mail directamente para aqui com conhecimento destes.

Passaram-se mais alguns dias -8 de Fevereiro- e entretanto recebi mais um simpático mail daqui indicando-me que estes seus colegas dali tiveram problemas no sistema informático e como tal, o processo (?!) naturalmente atrasou-se e o meu mail estava a dar entrada (?!).

Estamos a 14 de Fevereiro de 2006. Agora pergunto eu na minha mais pura das intenções: Será que ainda estão com problemas informáticos? É que se assim for imagino o -pequeno- caos que deve estar Lisboa no que toca à manutenção das áreas que estão sob alçada deste departamento.

Para que todos vós entendam o contexto, o assunto é este e o mail enviado originalmente está aqui transcrito:

"
Boa Tarde,

Venho desta forma informar-vos que a passadeira existente na Azinhaga da Musgueira perto da Rua Helena Vaz da Silva (lado de quem vai para o Lumiar e perto do Condominio da Torre, após a paragem da Carris) necessita de manutenção urgente pois já não está vísivel.

Peço a vossa actuação urgente, pois este é um local de grande afluência de veiculos e de peões (muitos deles crianças). Alerto-vos para a existência de uma escola bastante perto do local que indiquei.

Agradeço que indiquem, caso necessitem de algum esclarecimento adicional.

Desde já agradeço a vossa disponibilidade

Com os meus melhores cumprimentos,
Rodrigo Bastos

"


PS: Sei que a leitura deste post é algo cansativa, mas uma coisa podem ter a certeza é que é sempre muito mais rápida do que a resposta destes senhores. ;)




1 comentário:

***@ MuLhEr Do P@dR&**** disse...

Como eu entendo a sua ira, devo dizer que há mais de 20 anos também peço quase a mesma coisa, pois moro perto de uma avenida muito movimentada e que para atravessar a rua, às vezes demoro mais de 15 minutos, porque os carros (automóveis) pensam que estão numa pista de corridas.
Espero que um dia possamos ter os serviços à altura de nossos impostos pagos...