terça-feira, 19 de julho de 2005

Evolution do Parque Oeste


25 de Junho de 2005


15 de Julho de 2005

8 comentários:

Pedro Veiga disse...

Aqui está um dos aspectos positivos da Alta de Lisboa. Tanta falta fazem as zonas verdes nesta cidade e arredores!
É notável a evolução em menos de um mês!
Esperemos que abra em breve.

JC disse...

Boa evolução. Em 20 dias, já se começa a notar algum verde. Espero q continue a evoluir assim. Uma questão a este forum. Ontem recebi em casa aquele boletim da SGAL sobre a Alta Lx. Reparei q todo o boletim era dedicado à visita que o Stanley Ho realizou no terreno às obras da Alta Lx. Saliento umas questões, o empreendimento Cond. Parque foi inaugurado por ele. Alguém sabe q tipo de inauguração foi esta?? Alguém já mora neste condominio?? E inauguraram tb uma creche na Alta. Sabem onde fica mesmo?? Estas informações segundo o boletim da SGAL. Cumps.

ana - Colina S. Gonçalo 23 B disse...

Bom dia!
Quanto ao Condomínio do Parque, não mora ainda ninguém. é o condomínio que fica mesmo sobre a rotunda junto ao stand de vendas, em frente do Parque Oeste. Quanto à creche, fica nas traseiras desse mesmo Condomínio do Parque, em frente à Colina de São Gonçalo. Apesar da inauguração oficial, ainda tem obras. penso que será para abrir no ano lectivo que se aproxima, em Setembro, portanto.

Rodrigo Bastos disse...

Para quando está planeada a finalização do Parque Oeste. Alguém sabe?

ssá disse...

É, de facto, bastante deficiente a informação veiculada pelo boletim informativo. Mas não é só neste número: os últimos dois também não são muito pormenorizados.

Aliás, o comportamento da SGAL no que diz respeito à informação sobre o projecto da Alta está claramente aquém do que é desejável. A SGAL tem assumido, quanto a mim erradamente, uma postura muito orientada ao empreendimento (Condomínio X, Colina Y, Jardins Z, etc), muito na óptica do empreiteiro.

Ora o projecto Alta de Lisboa não é apenas uma colecção de prédios e de vias de circulação – trata-se de pessoas e da construção de um novo centro de actividade económica e social.

É certo que não se pode esperar da SGAL que assuma as despesas de um orgão autárquico – é para isso que existem a câmara e as juntas de freguesia.

Mas como entidade angariadora e supervisora, a SGAL possui a responsabilidade de manter esclarecidas as pessoas sobre o andamento do projecto e de garantir que as suas dúvidas e solicitações não são ignoradas. E mesmo quando o assunto não esteja no âmbito das suas competências, deve sempre actuar como interface junto das entidades próprias.

Exemplos?
Informar o prazo para conclusão e a localização de todas as infra-estruturas que estão previstas para a zona de intervenção da Alta de Lisboa.
E no acto de inauguração complementar com informação sobre quem e como pode ter acesso a elas.

Mesmo que não seja possível fornecer de imediato algumas destas informações, é sempre preferível dizê-lo claramente do que criar uma expectativa que depois redunda num vazio.

E já agora, aproveitem para recuperar o site, que como está, de pouco serve para todos os que já habitam a Alta de Lisboa e para os que lá esperam vir a morar.

Ricardo Soares disse...

A data "oficial" é no fim do verão.

Tiago disse...

A data oficial é no fim de Setembro, mas preve-se um ligeiro atraso.

Pedro Veiga disse...

Infelizmente existem sempre atrasos...Lá para o Natal, talvez. Ainda falta a segunda fase deste parque não menos importante do que esta, já que irá fazer de barreira ao eixo norte-sul. Sobre esta fase ainda nada foi dito pelas entidades responsáveis.